“Professor Marcelo”: É assim que o apelidam com carinho. Ele conquistou o coração de muitos em todo o mundo. Não por suas políticas públicas ou discursos eloqüentes, mas por sua capacidade humana. O que ele fez não seria feito por ninguém, pelo contrário, é difícil ver um presidente tirando férias em lugares lotados.

Ele é o Presidente de Portugal e não se importou com nada, pulando na água para resgatar dois jovens que corriam risco de afogamento. Ele agiu como um verdadeiro líder.

Felizmente, as meninas enlutadas escaparam sem complicações, enquanto o presidente foi reconhecido e aplaudido pelos presentes. Deixamos vocês com o vídeo de sua ação heróica:

Ele não é um salva-vidas, não é um nadador profissional, apenas um homem de 71 anos. Claro, ele é o Presidente de Portugal, mas isso não importa quando se trata da vida humana.

É assim que o entende Marcelo Rebelo de Sousa, que estava de férias na região do Algarve, quando testemunhou (e mais tarde protagonista) o que poderia terminar em tragédia.

“Esses jovens vieram de outra praia e como a corrente é muito grande, foram arrastados para fora e vieram em direcção a esta praia. Eles viraram e engoliram muita água. Não eram capazes de virar, nem de entrar na canoa, nem de nada, com tamanha força da corrente.” – Marcelo Rebelo disse à mídia local.

A televisão portuguesa conseguiu registar o momento do início ao fim, visto que estiveram no local para uma conferência de imprensa.

Ele é um reconhecido fã de água, que costuma nadar todas as manhãs, descansar na areia e compartilhar com muitas pessoas.

Felizmente para as moças, outro nadador também chegou de jet ski, que por fim as pegou e deixou na areia.

Após a cena do resgate, o Presidente reservou alguns minutos para chamar a atenção para os banhistas presentes.

O patrão estava de férias na zona, aproveitando para promover o turismo na zona, que devido à pandemia tem sofrido a ausência de visitas.

Jornalista de profissão, professor universitário e eleito em 2016, o Presidente de Souza conquistou o coração dos portugueses.

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS