Lembras-te de em criança brincares com plasticina? Na altura a sua textura parecia um pouco estranha, mas era mesmo isso que a tornava tão interessante 😄

Contudo, os tempos mudaram e cada vez as crianças gostam mais de coisas “nojentas” e “pegajosas”, e é por isso que o “slime” tem tanto sucesso!

Caso não saibas, “slime” é uma espécie de plasticina pegajosa que, ao ser atirada, pega-se a tudo, desde paredes, tectos, cadeiras, …

Infelizmente, o que muitos pais desconhecem é que este produto é na realidade bastante tóxico, podendo mesmo causar vómitos e dores de estômago, pelo menos de acordo com a Which?, uma empresa britânica de aconselhamento independente aos consumidores, que descobriu que este produto tem níveis bastante elevados de boro, um elemento químico que afecta a fertilidade e pode causar sérias irritações nos olhos.

Segundo alguns testes realizados, grande parte dos slimes vendidos em lojas e online (mais precisamente, 8 em 11) excediam o limite de segurança de boro, que é 300 miligramas por quilo, sendo que alguns produtos chegavam mesmo a ter o valor absurdo de 1400 miligramas por quilo.

Nikki Stopford, director da investigação da Which?, alertou para o perigo deste produto ao dizer numa entrevista ao Daily Mail:

“Os pais que compram slime aos filhos vão ficar chocados por saber que a saúde das suas crianças está a ser posta em risco.”

Por isso, se tens algum slime ou os teus filhos têm, o melhor será mesmo deitá-lo fora… e bem longe!

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS