Cada vez mais as pessoas se começam a preocupar com a sua saúde e bem-estar, optando por uma dieta alimentar saudável e pela prática de exercício físico regular. No entanto, outra preocupação alimentar tem crescido nos últimos anos e tem a ver com o consumo de carne.

De acordo com um estudo “encomendado” pela Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) e realizado pelo IBOPE (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística), nos últimos seis anos o número de vegetarianos no Brasil quase duplicou.

A pesquisa realizada em abril deste ano e que resultou de entrevistas em 142 municípios de todas as regiões do país, incluindo representantes de ambos os sexos e de todas as classes sociais, com 16 anos ou mais, indica que 14% da população brasileira se declara vegetariana. Este valor aumenta para 16% nas regiões metropolitanas de São Paulo, Curitiba, Recife e Rio de Janeiro. Em 2012, a mesma investigação apontava que o número de vegetarianos nestas regiões era de apenas 8%.

Além disso, os dados mostram também que as pessoas estão cada vez mais interessadas em produtos vegan (ou seja, livres de ingredientes de origem animal), sendo que a maioria das pessoas entrevistadas afirmou que consumiria mais produtos vegan se estes fossem facilmente identificados na embalagem e se estes produtos não fossem mais caros do que os que costumam consumir (não vegan).

Este estudo vai de encontro a uma pesquisa realizada pela Datafolha em 2017, que concluiu que 63% dos brasileiros gostariam de reduzir o seu consumo de carne.

E tu? Já adoptaste uma alimentação vegetariana ou vegan? Deixa-nos a tua opinião sobre este assunto nos comentários!

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS