Quem sonha em casar, imagina um grande casamento, um dia único que fique na memória de todos. Contudo, todos sabemos que um casamento pode ficar bem caro e por isso, cada pessoa acaba por realizar o seu “casamento de sonho” dentro do seu orçamento. Isso não significa que não possa ser uma grande festa, até porque o mais importante é partilharmos esse dia tão importante da nossa vida com as pessoas que mais amamos, certo?

Pois bem, para uma jovem, o seu casamento de sonho tinha de ser algo estrondoso, único na vida de quem pudesse participar, algo digno de uma “Kardashian”. Contudo, isso implicava um gasto de $60 mil, algo bem acima das suas possibilidades. Por isso, decidiu pedir aos seus convidados que cada um contribuíssem com $1500.

Sim, percebeste bem – $1500! Para ela, $1500 era uma SIMPLES contribuição para a realização do seu casamento de sonho, mas como deves imaginar, nem todas as pessoas pensaram da mesma forma.

Como deves imaginar, esta história não acabou lá muito bem e a jovem acabou por fazer uma publicação.. digamos…insólita no seu perfil do Facebook, que foi partilhado na rede social e claro, acabou por se tornar viral.

 

Tradução livre:

“Queridos Amigos,

É com grande tristeza que anuncio o cancelamento do casamento. Peço desculpa por cancelar apenas 4 dias antes. Infelizmente, o (…) e eu terminámos devido a recentes e irreparáveis problemas. Decidimos terminar a relação e não avançar com quaisquer questões futuras. Contudo, somos pessoas civis e continuamos a ser uma equipa pelo nosso filho. Depois de horas de choro, exaustão mental e até dissociação, eu cheguei a esta decisão. Uma hora após esta publicação, eu irei eliminar o meu perfil do Facebook. As redes sociais apenas me causaram paranóia e toxicidade. Vou passar os próximos dois meses na América do Sul a explorar a minha alma e a livrar-me da energia toxica trazida pelos meus amigos e família – aqueles em quem eu mais confiava. Ou seja, eu vou estar fora do país nos meses de Outubro e Novembro. Por favor não me contactem. Quando estiver pronta, talvez crie um novo perfil do Facebook e adicione amigos/família que não me espetaram uma faca nas costas.

Como é que isto tudo desmoronou? Bem, convido-vos a todos do Facebook – membros, não-membros, e pessoas à parte da minha vida – que se sentem e ouçam. Todos vocês estão envolvidos de alguma forma. De alguma forma, toda a gente está envolvida nesta confusão. Mesmo que não tenham sido convidados para o meu casamento, eu não quero saber. Podem ter ouvido falar do drama e eu prefiro que saibam por mim. Eu não estou a pedir simpatia. Eu só quero contar a minha história.

Antes de começar a contar esta mini novela, eu convido-vos a todos (incluindo as CABRAS que arruinaram o meu casamento e vida) para se colocarem no meu lugar. Por uma vez, eu peço que me deixem tomar lugar no palco e dar voz aos meses mais dolorosos da minha vida.

Primeiro, era tudo um conto de fadas. Eu conheci o amor da minha vida aos 14 anos. Éramos ambos muitos novos, mas de alguma forma sabíamos que estávamos destinados um ao outro. Trabalhávamos na quinta da minha família e a cada verão quente passado nos campos o nosso amor crescia mais e mais. Avançámos para o secundário. Mantivemos-nos fortes durante os 4 anos. Ele ofereceu-me um anel aos 18, valia quase $5 mil. Dávamos tudo um pelo outro – tudo. Escolhemos os dois a mesma universidade comunitária e trabalhámos a full-time para concretizarmos os nossos sonhos. Passávamos a maior parte dos nossos dias ao lado um do outro. Vou ser sempre grata por isso. Passados alguns anos, eu tinha 20 anos. Apercebi-me que estava grávida do meu primeiro filho. Ficámos deliciados, maravilhados e agradecidos a Deus por este presente. Depois do nascimento de (…), eu sabia que o próximo passo era focar-me na minha carreira e e tornarmos-nos financeiramente estáveis. O meu Ex fez o mesmo. Poupámos e poupámos. Eu estava apaixonada, feliz, e ansiosa pelo que a vida me reservava. Continuámos a trabalhar e até conseguimos o nosso diploma. Foi duro, sim, mas valeu tudo a pena.

Conseguimos poupar cerca de $15 mil para o casamento. Como o nosso amor era um conta de fadas, queríamos um casamento extravagante e único, um no qual o nosso filho pudesse ser incluido. Começámos a ver locais e ficámos indecisos entre dois. Uma vidente local disse-nos para escolhermos a opção mais cara, e pensámos por que não? Só precisávamos de uma pequena ajuda. O nosso casamento de sonho ficava em $60 mil – tudo incluindo com viagem a Aruba. A única coisa que pedimos foi uma pequena ajuda dos nossos amigos e familiares para que se pudesse concretizar.

Eu ESPECIFICAMENTE, tipo ESPECIFICAMENTE pedi prendas em dinheiro. Como é que poderíamos ter o NOSSO casamento que NÓS tínhamos sonhado sem fundos apropriados?Sacrificámos tanto e apenas pedimos a cada convidado cerca de $1500. Falámos com algumas pessoas que até nos prometeram mais para que o nosso casamento de sonho se tornasse realidade. A minha dama-de-honor (que eu não vou dizer o nome) prometeu $5 mil juntamente com os seus serviços de organização. Chorámos de alegria e agradecemos. A família do meu ex ofereceu-se para contribuir com $3 mil. Por isso o nosso pedido de $1500 a todos os convidados não era assim tão estranho. Tipo, nós fomos bem CLAROS. Se não pudessem contribuir, não seriam convidados para este casamento exclusivo. Seria uma festa única na vida.

Então, enviámos os nossos convites e apenas 8 pessoas responderam e mandaram-nos o cheque. Ficámos pálidos. Como é que isto iria acontecer sem a ajuda dos nossos amigos e familiares. Para piorar as coisas, a família do meu ex retirou a sua oferta. De repente, mais pessoas recuaram, INCLUINDO A MINHA DAMA-DE-HONOR. A MINHA MELHOR-AMIGA DESDE INFÂNCIA. A MINHA SEGUNDA FAMÍLIA. Eu fiquei chocada e desesperada. Para piorar ainda mais, tudo isto aconteceu apenas um mês antes do casamento. Para cancelar tudo seriam precisos mais de $5 mil.

Desesperadamente, cancelámos os convites e pedimos às pessoas para doarem o que quisessem. A sério gente, o que são $1000? $1500? Claramente, não muito. Seria perfeitamente administrável e dentro do orçamento. Já ouvi pessoas a pedirem por pior.

Também criámos um fundo monetário. Isso só nos deu $250. Nesta altura estávamos exaustos, cansados. Eu gritava com o meu ex, eu tornei-me enraivecida. Percebi que o meu casamento de sonho estava a tornar-se num pesadelo.

E depois ainda ficou pior.

O meu ex entrou no quarto e ofereceu-se para conseguir um casamento em Las Vegas. Eu ri-me na cara dele, mas ele estava mesmo a falar a sério. Ele queria um daqueles casamentos baratos, maltrapilhos, imundos, e nojentos de Las Vegas. Eu quero dizer, QUE RAIO?? Mas ele estava louco? Mas eu era alguma peça de lixo, alguma pêga? Era suposto eu gostar da ideia de casar no coração de jogadores vergonhosos, alcoólicos? De repente, o meu corpo começou a tremer e tive um ataque de pânico.

O meu ex saiu do quarto e nem pediu desculpa pela sua horrível sugestão. Eu liguei à minha dama-de-honor e fartei-me de chorar. Ao invés da sua simpatia, ela disse-me que eu estava a pedir demais e que devia manter-me dentro do orçamento. Tipo… nem consigo descrever. Como é que alguém que me havia oferecido MILHARES DE DÓLARES e depois recusar-se a dar-ME o dinheiro prometido me estava a dizer para eu acalmar e manter-me no orçamento??? Ela SABIA que o meu sonho era um casamento de estrondo. Eu só queria ser uma Kardashian por um dia e depois viver a minha vida normal. Chamei-lhe de amiga pobre e porca e desliguei-lhe o telefone.

A seguir ela bloqueou-me de todas as redes sociais. Rumores começaram a circular. Recebi ameaças anónimas. O meu ex chegava cada vez mais tarde e eu suspeito que ele me tenha traído.

As minhas outras damas-de-honor juntaram-se a ela e excluiram-me. Basicamente elas disseram-me que eu era louca. Pediram o seu dinheiro de volta… e eu disse VÃO-SE LIXAR. Recusei-lhes a dar até que elas pagassem pelo meu stress emocional. 

O ex começou a falar com a minha dama-de-honor e a falarem mal de mim nas minhas costas. Eu ouvi ele a falar na cave quando me chamou de cabra. 

Mas pronto. Eu estou exausta. Tenho o corpo cansado. O meu coração não é o mesmo. É uma pedra de gelo. Fragmentada. Vazia. 

Eu preciso de me afastar desta horrível sociedade. O quão difícil seria para para os meus amigos fazerem uma doação? Eu sou importante para vocês? Apenas me dêem a porcaria do dinheiro para o meu casamento. Eu nem me vou gabar. Eu não vou fingir que não é isso que eu quero. Era para um sonho. Fui esfaqueada, traída, desiludida. 

Adeus. Vejo-vos daqui a dois meses. 

Uma lembrança amiga para vocês cabras. Não pensem que me devem alguma coisa. Eu vou apagar-vos a todas vocês cobras da minha vida. Vou viver a minha vida sozinha agora. Eu apenas vou deixar entrar aqueles que eu acredito que tenham boas intenções. Beijo”

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS