Celeste Ayala é uma mulher polícia de Berisso, na Argentina que se encontrava de serviço no Hospital Infantil da Irmã Maria Ludovica quando viu um bebé claramente mal-tratado, sujo e a cheirar mal, a chegar.

Ao notar que este estava com fome, e tendo em conta que ela havia tido um bebé à relativamente pouco tempo – ou seja, tinha leite -, não hesitou e perguntou a equipa médica ser podia pegar nele ao colo e amamentá-lo, já que a equipa da hospital se encontrava sobrecarregada de trabalho, e assim foi!

O momento acabou por ser registado pelo colega, Marcos Heredia, que decidiu publicar a foto como uma forma de homenagear Celeste pelo seu acto extremamente bondoso para com aquele bebé, que apesar de sujo e a cheirar mal, continuava a ser uma criança, um ser vivo, a precisar de ajuda.

“Eu quero tornar público este grande gesto de amor que você fez hoje por este bebezinho que você não conhecia, mas por quem você não hesitou em agir como uma mãe. Você não se importava se ele estava sujo ou fedorento, que é o que a equipe do hospital chamava. Bom companheiro de trabalho.”, escreveu ele.

Este seu gesto acabou por chegar à mídia local que procurou Celeste para uma entrevista:

“Eu notei que ele estava com fome, como ele estava a colocar a mão na boca, então eu pedi para abraçá-lo e amamentá-lo. Foi um momento triste, partiu a minha alma vê-lo assim, a sociedade deve ser sensível às questões que afetam as crianças, não pode continuar a acontecer isto.”, disse ela.

Sem dúvida um verdadeiro exemplo de bondade e altruísmo ❤️

Fonte: 9gag

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS