O nosso planeta está cheio de anomalias genéticas que acabam por provocar aspectos estranhos na aparência de alguns seres vivos, desde plantas, animais e até humanos. No entanto, algumas não são tão perceptíveis aos nossos olhos, como o caso da modelo Taylor Muhl que descobriu que tem a sua irmã gémea dentro de si!

Na realidade, tudo começou quando Taylor era ainda um pequenino embrião no útero da sua mãe juntamente com a sua irmã gémea, no entanto o seu embrião absorveu o da irmã gémea, ficando apenas um.

Estranho, não é? Eu sei, mas o vídeo abaixo explica exactamente como tudo isso é possível!

Taylor só descobriu esta sua anomalia genética em 2009, achando até lá que a sua mancha na barriga se devia a um sinal de nascença. Contudo, em 2009 um médico acabou por confirmar que se tratava na realidade de um caso de quimerismo, após Taylor ter assistido a um documentário sobre o tema e ter procurado ajuda médica que acabou por confirmar as suspeitas.

Curiosa(o)? Então vê o video abaixo e descobre como tudo aconteceu!

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS