Chauncey Black é um adolescente de 16 anos que, ao viver com a sua mãe em grandes dificuldades financeiras, não tendo sequer uma cama onde se deitar ou um pão para comer, decidiu ir para a parte “rica” ​​da cidade com apenas um passe de autocarro e sem dinheiro, com o objectivo de conseguir comida em troca do seu trabalho. Foi então que algo aconteceu e que acabou por mudar a sua vida.

Estava Chauncey dentro do supermercado Highland Kroger quando se aproximou de um estranho, perguntando-lhe se poderia levar as suas compras para o carro em troca de um pacote de donuts. Matt White (o homem estranho) ficou tão sentido com o pedido do jovem que não só aceitou como ainda lhe deu muito mais.

“Esse miúdo parecia ter sido rejeitado 100 vezes. Ele parecia envergonhado, com fome e quebrado. No meu coração eu gritei alto” sim! “, Mas para ele eu apenas ri e disse,” sim meu, nós vamos buscar alguns donuts para ti”. Contudo, Matt acabou por descobrir que Chauncy não tinha telefone, apenas um passe de autocarro e uma mãe faminta à sua espera em casa, sendo que o jovem dependia das boas graças de um estranho que o ajudava a alimentar-se antes de voltar para casa.

Como é óbvio, Matt não podia deixar o jovem ir embora apenas com um pacote de donuts, e decidiu ir novamente às compras, mas desta vez seria para Chauncy e para a sua mãe.

“Divertimo-nos tanto! Temos cereais e batatas fritas e legumes congelados, pizzas, Cheetos, melões e massas, manteiga de amendoim, leite, sabão, escovas de dentes, um pouco de tudo.”, disse Matt.

Enquanto faziam as compras, Chauncy ia contando um pouco mais sobre a sua vida e sobre o seu sonho de um dia poder vir a ter o seu próprio negócio de forma a ajudar a mãe e outras pessoas necessitadas.

“Esse miúdo era incrível. Chauncy continuava a chamar-se a si mesmo de pobre, mas ele disse-me que um dia seria rico e dono do seu próprio negócio para poder ajudar outras pessoas da sua vizinhança e comprar mantimentos como eu. Eu fiquei admirado.”

No final das compras, Chauncey acabou por receber boleia de Matt, pois já era tarde para apanhar o autocarro, mas ao chegar em casa, ele e a sua mãe mentalmente doente nunca esperavam que o estranho fizesse por eles algo tão especial como ele fez.

“Eu dei-lhe boleia para casa para que ele não precisasse de apanhar o autocarro e quando chegámos na casa dele eu fiquei realmente humilde. Ele não estava a brincar. Ele e a mãe não tinham nada. Eles nem tinham camas ou móveis. Eles estavam a dormir em almofadas feitas de sacos de dormir, eles tinham duas lâmpadas e nada no frigorifico”.

Enquanto o jovem e a mãe desempacotavam as compras, Matt podia ver a esperança a voltar aos olhos de Chauncy. Era como se ele fosse apenas um miúdo normal de novo.

“Quando estava a sair, dei-lhe um abraço e disse-lhe o quanto Deus o amava e que ele iria crescer para ser um homem incrível. Nunca vou esquecer esse abraço. Significou mais para mim do que qualquer outra coisa que tenha.”

Mas se achas que esse “adeus” foi o fim da história, estás muito enganada(o). Ao regressar a sua casa, Matt achou que deveria fazer mais pelo jovem e decidiu então abrir uma conta no GoFundMe para arrecadar dinheiro para as necessidades que essa família precisava tão desesperadamente, tendo conseguido uma enorme quantia de 341 mil dólares (1.323.727 reais / 298.976 euros), não só permitindo a Chauncy comprar o equipamento que precisava para iniciar o seu próprio negócio de cortar grama, como este pôde finalmente conseguir uma cama de verdade para dormir.

A bondade de estranhos nunca deixa de surpreender!

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS