O amor é assim, vem sem aviso, sem permissão, apanha-te de surpresa e fica ancorado em ti.

O amor muda radicalmente a nossa forma de ver o mundo, os nossos planos futuros, e até mesmo o nosso modo de vida. É verdade que é um sentimento muito bonito, original, mágico, mas em certa medida também é um sentimento assustador.

É normal, todo o mundo se apaixona, mas então aparece aquele alguém especial que muda completamente o nosso conceito da palavra amor. Quando estavas certo de que já tinhas experimentado a sensação de amor verdadeiro, chega esse alguém que te faz entender que o que tu viveste anteriormente, nada tem a ver com a sensação que tu estás a experimentar agora.

“(…) sentimos uma dualidade de emoções que não podemos explicar (…)”

É engraçado, porque visto que este sentimento é novo, nós sentimo-nos vulneráveis, sentimos uma dualidade de emoções que não podemos explicar, é como estar feliz com as emoções à flor da pele, mas com aquele medo constante do que virá depois.

Certamente a ti também o amor te vai mudar, vai fazer-te sorrir sem pensar, é aquela sensação de sentir-se nas nuvens, borboletas no estômago, com suspiros que tu não podes controlar, desejando que o que acontece hoje, nunca termine.

O amor assusta-nos, porque mostra o nosso lado vulnerável, suscetível a decepções, um medo terrível da dor, de que as coisas mudem, de que o amor acabe.

Não te preocupes, isso é normal, é exatamente assim que acontece quando tu te apaixonas como nunca havia acontecido antes. A quem está a passar por isso, recomendo que pare de se preocupar com o tempo, é melhor aprender a desfrutar o momento, deixar que os nossos sentimentos fluam, que o amor amadureça e cresça.

“(…) ama e deixa que te amem, porque atualmente o amor é um luxo do qual nem todos se podem gabar.”

O amor bom chega assim desta maneira, sem planeamento, sem o imaginares, mas quebrando todas as barreiras, e assim que a tua respiração está tranquila, entrega o teu amor sem remorsos ou complexos, ama e deixa que te amem, porque atualmente o amor é um luxo do qual nem todos se podem gabar.

E se ele não chegar, não percas a fé ou a paciência, não te precipites, espera e aceita apenas o que tu mereces, um amor que te faça voar como nenhum outro, alguém que tu ames como nunca antes, um amor que te corresponda da mesma maneira.

Por: Teresa Donosco

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS