A luz que passa pelo corpo do pássaro, criando cores únicas, em contraste com as sombras da silhueta, são simplesmente presentes da natureza.

O reino animal, imerso no mundo da natureza, pode nos dar maravilhosas imagens. Os seres vivos são uma criação surpreendente, da sabedoria subliminar. Podemos encontrar momentos belos, únicos e desconhecidos, que aumentam, pensando que ainda não terminamos de conhecer nossa terra.

O fotógrafo australiano Christian Spencer, conseguiu capturar o charme natural de uma ave. Residente no Brasil, mantém contato permanente com a natureza. Desta vez, ele surpreendeu com imagens de um “arco-íris” numa ave, onde a luz penetra o corpo do animal e forma cores extraordinárias.

O artista australiano mora no Parque Nacional do Itatiaia há 19 anos. A natureza envolvente o inspirou em várias ocasiões, levando-o a pegar na sua câmara e tirar fotografias.

Uma das suas grandes descobertas foi a maneira como a luz passa através do pequeno corpo destes pássaros. Através de fotografias e gravações de filmes, pelas quais ele foi premiado em 2011, ele partilha o seu amor por esse fenómeno com o mundo.

Deixo um trailer do seu trabalho, que reflete a relação de tempo e natureza, focada na ave.

As suas fotografias deixam qualquer um sem palavras, pois são mágicas e dignas de admiração e aqui partilhamos algumas delas.

Cada obra de arte da Spencer é tremendamente comemorada e também premiada, cada uma disponível no seu site, mas também no seu Instagram.

O corpo da ave, as suas cores e o zumbido de suas asas imparáveis, são refletidos em cada imagem do fotógrafo.

A dança do ave no vídeo é muito agradável. São fotografias e a sua curta-metragem, são trabalhos dignos de aplausos de pé.

Este fenómeno leva-nos a pensar em tudo o que não sabemos sobre o nosso mundo. A Terra, a natureza e o reino animal escondem grandes mistérios e coisas surpreendentes, só precisamos descobri-los.

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS