Planear uma viagem pode ser um processo demorado e de grande stress. Entre escolher o alojamento e comparar as diversas opções, encontrar a melhor forma de transporte, tirar algum tempo para planear os locais a visitar, e outros, perdem-se diversos dias ou semanas.

Mas existem formas de facilitar o planeamento para começar as suas férias com menos stress e mais entusiasmo. Seguem-se algumas dicas.

As 5 dicas que o vão ajudar a planear a próxima viagem com mais calma

1. Coloque as cartas na mesa primeiro

O primeiro passo para planear qualquer viagem é pôr todas as cartas na mesa. O que isto significa? Dite todas as regras.

Comece pelo orçamento. Quanto dinheiro tem disponível para a sua viagem? Tem o suficiente para uma viagem ao estrangeiro ou as férias serão dentro do país este ano? Prefere esperar mais uns meses e poupar o suficiente para o seu destino de sonho?

Resolvida a questão do orçamento, quanto dias pretende ficar em viagem? Uma semana? Duas semanas? Um mês? Se só tiver alguns dias, opte por um destino próximo ao local onde vive para não perder muito tempo em viagens.

Este também é o momento de decidir o que gosta de fazer. Quer passar as suas férias rodeado por montanhas ou na praia? Prefere sítios mais movimentados ou mais calmos? Natureza ou cidade? Quer aproveitar as férias para descansar ou ter o máximo de experiências possíveis? Estas questões são muito importantes.

2. Tome atenção às questões relacionadas à documentação

Com estas informações em mãos, faça uma lista de possíveis países que gostaria de visitar nas suas férias. Vá excluindo até ficar apenas com o país ou localidade de eleição.

Assim que souber qual o destino da sua próxima viagem, faça uma pesquisa sobre a documentação necessária para entrar no país.

Quem já fez viagens, sabe o quão demorado este processo pode ser. Portanto deixamos uma dica que lhe vai tirar um peso enorme dos ombros: use a ferramenta gratuita do iVisa para saber que países exigem a apresentação de vistos turísticos.

O iVisa também pode ajudar em todo o processo de obtenção de vistos turísticos, declarações de saúde, fotos de passaporte e outros documentos, ajudando a poupar tempo e a tornar o processo de planeamento mais calmo e livre de stress. Isto tudo com rapidez, segurança e uma grande probabilidade de ser aprovado.

3. Planeie toda a viagem

O planeamento deve ser pormenorizado, ou seja, adicione os locais que quer visitar e atrações turísticas da região, onde quer ficar a dormir, qual a distância do aeroporto ao alojamento (caso seja necessário), qual a distância entre os diferentes pontos turísticos e que pratos pretende experimentar no país ou região.

Além dos locais a visitar, adicione também os preços associados para poder ter uma ideia de quanto vai gastar na viagem. E, claro, não se esqueça de pesquisar se existem formas de poupar dinheiro nos transportes e bilhetes de visitas.

Se possível, divida ainda essas atividades pelos diferentes dias da viagem para uma melhor organização. E, claro, não se esqueça de deixar tempos livres para alguma espontaneidade.

Mas como encontrar estas informações? Pode usar websites como o Booking, Tripadvisor ou mesmo opiniões de outros turistas que já visitaram o seu destino de viagem, algo que pode ser encontrado em blogs de viagem.

4. Dedique tempo para poupar dinheiro

Já referimos esta dica durante o ponto anterior, mas queremos explicar melhor como pode encontrar oportunidades de poupança.

No caso da hospedagem, a melhor forma de poupar é fazendo a reserva com alguma antecedência e, acredite, por vezes pode poupar quase metade do valor. Pode, ainda, ver se o local de hospedagem tem alguma promoção no momento.

A nível de transporte, por vezes é mais barato comprar um bilhete diário do que viagens separadas. Às vezes até existem passes que lhe permitem viajar livremente durante um determinado número de dias.

Já quanto à visita de atrações turísticas, sabia que existem por vezes descontos para famílias? Visite o site da atração turística e descubra quais os descontos disponíveis.

5. Faça uma pesquisa sobre como levar dinheiro na sua viagem

E, por último, lembre-se de pesquisar como levar dinheiro para o país de destino. Precisa de levar dinheiro em mão ou é possível levar o seu cartão multibanco?

Em qualquer um dos casos, tenha sempre algum dinheiro em mão consigo para caso tenha algum problema com o levantamento ou pagamento com cartão.

Com as ferramentas mencionadas, acreditamos que todo o planeamento pode ficar mais fácil. Só lhe falta fazer as malas e aproveitar os dias de férias ao máximo. Divirta-se!

VÊ TAMBÉM