Devastada por ataques aéreos, a cidade de Aleppo, na Síria, agora reúne milhares de crianças órfãs, que perderam seus pais na guerra.

Para sensibilizar o mundo e pedir socorro, um grupo de 47 meninos e meninas órfãs gravou um vídeo emocionante.

Nele, uma única menina, chamada Yasmeen Farmouz, fala durante todo o tempo. “Olá, hoje pode ser a última vez que você me vê e ouve minha voz”, começa a menina que, ao longo do vídeo, pede que organizações internacionais os ajudem a sair do epicentro dos confrontos na Síria.

De acordo com O Globo, nesta quinta-feira, os novos esforços para retirada de civis sírios e insurgentes de bairros rebeldes do leste de Aleppo caíram por terra, depois que uma pessoa foi morta e vários civis e trabalhadores humanitários ficaram feridos enquanto eram transportados para ambulâncias da Cruz Vermelha.

Crianças órfãs gravaram um vídeo em que fazem um apelo dramático ao mundo. Elas pedem para serem resgatadas por instituições e organizações internacionais. Todos os meninos e meninas que aparecem no vídeo perderam seus pais e parentes para os bombardeios aéreos. No vídeo, que tem duração de 1 minuto, uma menina de 10 anos que se identifica como Yasmim Kanuz, alerta ao público que talvez essa seja a última vez que eles a veem ou ouvem sua voz. 😢 (Vídeo: Reprodução) #Órfão #Apelo #Allepo #Síria #OPOVO

Posted by Josefa Luci Maia on Friday, December 16, 2016

Fonte: revistapazes.com

Photo by Arwan Sutanto on Unsplash

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM



COMENTÁRIOS