Todos nós sabemos a importância de uma boa dieta alimentar para a nossa saúde, contudo, um estudo recente descobriu que o consumo regular de comida fast-food e o pouco consumo de frutas na alimentação do dia-a-dia das mulheres interfere com o tempo em que estas levam a engravidar, podendo mesmo provocar problemas de fertilidade.

Após questionarem 5.598 mulheres grávidas de 14 a 16 semanas relativamente aos seus hábitos alimentares no mês anterior à gravidez, os pesquisadores da Universidade de Adelaide, Austrália puderam chegar à conclusão que as mulheres que comiam frutas menos de uma a três vezes por mês demoravam em média mais meio mês para ficarem grávidas do que aquelas que comiam três ou mais vezes por dia.

Além disso, as mulheres com a menor ingestão de frutas tiveram um risco de 12% de terem sido incapazes de conceber dentro de um ano, enquanto esse valor aumentou para 16% para aquelas que tinham comido fast food quatro ou mais vezes por semana.

Claire Roberts, professora da Universidade de Adelaide, Austrália que liderou o estudo, disse: “Estes resultados mostram que comer uma dieta de boa qualidade que inclui frutas e minimiza o consumo de fast food melhora a fertilidade e reduz o tempo necessário para engravidar“.

Pode até não ser uma grande surpresa estes resultados, mas mais uma vez aqui tens a prova de como uma boa alimentação é o mais importante para a nossa saúde, principalmente quando estamos a tentar engravidar!

Por isso, se tomaste a decisão de querer ter um bebé, mas estás a ter alguma dificuldade, uma das causas possíveis pode ser uma má alimentação. Assim sendo, opta por comer mais frutas, verduras, carnes brancas e peixe, e tenta evitar os hidratos de carbono em excesso, doces, comida fast-food e pré-cozinhada.

Claro que tudo isto não dispensa a consulta de um médico especialista de forma a obteres o melhor aconselhamento profissional!

Fonte: BBC News

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM