O preconceito ainda é algo bastante presente na sociedade actual e pode mesmo chegar a ameaçar a vida de pessoas inocentes, como crianças, que infelizmente acabam por sofrer injustamente.

Um exemplo disso é a história de um bebé na Índia que acabou por ser abandonado pelo pais assim que estes descobriram que havia recebido uma transfusão de sangue de uma mulher transgénero.

“(…) estaria contaminada e condenada a ser “um deles” (…)”

A sofrer um caso agudo de anemia, um bebé acabou por ser sujeito a uma transfusão de sangue que lhe salvou a vida, contudo, quando os pais se dirigiram à casa da pessoa doadora para lhe agradecer o gesto, o choque em descobrir que se tratava de uma mulher transgénero foi tal que no dia seguinte abandonaram o bebé à porta de sua casa com um bilhete a dizer que devido ao facto de ter recebido o sangue de uma transgénero, estaria contaminada e condenada a ser “um deles”, e por isso não seria aceite na sua família.

Apesar de chocada com a situação, a mulher acolheu imediatamente o bebé em sua casa e acabou por adoptá-lo, até porque se identificava com a sua história, já que também foi abandonada pelos pais, depois de descobrirem que ela era transgénero.

Hoje em dia, a criança tem seis anos e não podia estar mais feliz com a sua mãe adoptiva que lhe soube dar todo o amor e carinho que, infelizmente, os pais biológicos não souberam dar!

Fonte: The Stories of Change

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM




COMENTÁRIOS