1. Elas não veem o sucesso relacionado com o género

Em algumas culturas, como por exemplo na como as da Arábia Saudita, as mulheres não têm permissão para sair de casa sem supervisão masculina. Mas atenção, quero deixar claro, que não estou a dizer que as mulheres dessas culturas não são fortes.

Ir contra a tradição neste tipo de países pode trazer consequências graves para a mulher, não se trata de elas serem fortes ou não, mas sim de tentar mudar mentalidades. Mas noutras partes do mundo, felizmente as mulheres já tem muitos direitos e de poderem realizar os seus sonhos através dos seus próprios meios.

Então uma mulher forte, não considera que ser mulher é uma desvantagem, mas sim trabalha para garantir os mesmo direitos em todos os lugares  do mundo e não apenas em casa.

2. Elas não tem medo de assumir a sua vida sexual

Antigamente uma mulher que tinha de ir virgem para o casamento, e aquelas que não iam era consideradas “vadias”.

Actualmente a mulher define quando quer começar a actividade e com quem e não importa o que os outros pensam sobre isso, porque cada um faz com o seu corpo aquilo que bem entende.

3. Elas lutam pelo seu sucesso quer estejam num relacionamento ou não

As mulheres fortes não tem medo de estar sozinhas e ganhar o seu próprio sustento, sabem ser independentes e trabalham para ter uma carreira profissional de sucesso.

Num relacionamento elas tem exatamente a mesma postura e conseguem ser até um suporte que apoia o parceiro, não dependendo do parceiro para tudo.

4. Elas nunca param de melhorar

A vida dá-nos uma aprendizagem única, e as mulheres fortes nunca param de aprender mesmo que sejam deparadas com situações negativas. Tudo faz parte de aprender a tomar as melhores decisões.

Elas gostam de aprender novas habilidades, estudar novas coisas, ser criativas e a nível pessoal tentar ser a melhor pessoa possível.

5. Elas tem um propósito de vida

Ser uma mulher forte é mais do que ser mulher, é saber exactamente aquilo que se quer desta vida e fazer de tudo para conseguir.

Seja o objetivo ser mãe, ou até mesmo conseguir um cargo numa empresa de prestigio, não interessa. A mulher que sabe qual exatamente o que ela é e para o que nasceu é uma mulher forte.

6. Elas não usam o facto de serem mulheres para se fazerem de vitimas ou tirar proveito

O feminismo é muitas vezes mal entendido, talvez pelo facto da palavra em si. Mas de maneira alguma pretende passar a mensagem de que as mulheres são melhores que os homens, ele defende apenas a igualdade de género.

Ser feminista não significa que a mulher tem de conquistar o mundo, mas sim que deve ser quem ela quiser e não deixar que a tradição e as mentalidades da sociedade atrapalhe.

Se a mulher quer ser mãe e ficar em casa, tudo bem, tem esse direito, mas se a mulher quer ser uma engenheira, médica, professora ou enfermeira também tem esse direito. As mulheres fortes são quem elas querem ser.

Se achou este artigo inspirador por favor partilhe com a sua família e amigos!!!

Imagem de destaque: Remy_Loz, Unsplash

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM




COMENTÁRIOS