Ryan Holet é um polícia de Albuquerque, cidade do estado americano do Novo México, que nunca pensou no quanto a sua vida iria mudar depois de encontrar um casal sem-abrigo a injectar-se com heroína na parte de trás de edifício.

Apesar de, infelizmente, não ser uma situação estranha para Ryan, o pior foi que ao falar com o casal, apercebeu-se de que a mulher, Crystal Hamp, estava gravidssima! Na realidade, ela estava já no final da gestação com 8 meses.

Ao ser questionada pelo polícia, Crystal admitiu que estava à espera de uma bebé e que tinha perfeita noção do seu estado, mas que se encontrava desesperada: “Eu sei que sou uma pessoa terrível e sei da situação terrível em que estou.”, confessando também que estava à procura de alguém que pudesse adoptar a pequena bebé quando esta nascesse.

Ryan não podia ficar indiferente à situação que estava à sua frente e decidiu que tinha de fazer algo, estando cansado de ver tantas situações más sem puder ajudar!

Assim sendo, não pensou duas vezes em ficar com a bebé e de seguida foi direito a casa para falar com a sua esposa! Apesar de já terem falado sobre adoptarem mais uma criança, tinham decidido esperar até o seu filho mais novo ser um pouco mais velho, no entanto, cerca de três semanas depois, eis que o novo membro da família nasce – a pequena Hope!

Apesar do parto de Crystal ter corrido bem, a bebé acabou por nascer com síndrome de abstinência neonatal, ou seja, com sintomas de abstinência. Além disso, a síndrome causa tremores, falta de ar, disfunção do trato gastrointestinal, assim como distúrbios de crescimento posteriores. No entanto, por muitas dificuldades que Hope possam vir a ter, o casal não podia estar mais feliz com o aumento da sua família, e certamente irão estar a seu lado para tudo!

Ryan admitiu que, apesar do passado – e presente – conturbado de Crystal, quando chegar a altura certa, ele quer que Hora saiba quem é a sua verdadeira mãe.

Sem dúvida um enorme gesto de bondade e generosidade que mudou não só a vida desta família como da pequena bebé Hope e até da sua mãe biológica que sofre com o vício da heroína.

Vê só o vídeo da reportagem feita pela CNN:

Police office adopts pregnant addicts baby

Police officer adopts homeless mother's opioid-addicted newborn http://cnn.it/2i9LbdD

Posted by CNN on Saturday, December 2, 2017

 

Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM