Jackie Summers é um nova-iorquino que acredita na bondade das pessoas e felizmente testemunhou algo que prova que ainda é possível ter fé na Humanidade.

Num mundo em que existem tantas culturas e religiões diferentes umas das outras, as diferenças sociais são cada vez maiores, tornando difícil, ou até mesmo quase impossível, a convivência entre elas.

Felizmente, nem todos pensam da mesma forma, e ainda existe quem não ligue a religiões, sexo ou raça, olhando apenas para o ser humano como um todo e a prova disso é a fotografia que Jackie tirou numa das suas viagens de metro e que partilhou na sua página do Facebook onde se pode ver um casal de judeus a dar espaço para uma mãe muçulmana se sentar juntamente com o seu bebé.

A Taoist (me) gives up his seat so a Hasidic couple could sit together. They scoot over so a Muslim mother could sit and nurse her baby, on Easter Sunday. This is my America: people letting people be people.

Posted by Jackie Summers on Sunday, April 16, 2017

Na publicação, Jackie escreveu: “Um taoísta (eu) deu o seu lugar para que um casal hassídico se pudesse sentar junto. Eles deram um pouco de espaço para que uma mãe muçulmana se pudesse sentar e cuidar do seu bebé, no Domingo de Páscoa. Esta é a minha América: pessoas que deixam as pessoas serem pessoas “.

Com mais de 100 mil gostos e 73 mil partilhas, esta fotografia acabou por se tornar viral como um verdadeiro exemplo de que o racismo e ódio só existe na mente de quem quer e que sim, é possível viver em harmonia e paz, mesmo com tantas diferenças culturais. Basta haver respeito! 🙂

FONTEJackie Summers
Partilhar é cuidar!

VÊ TAMBÉM